Planejamento rural: aumente a produtividade e o lucro da sua fazenda

Embora seja um fator de extrema importância para o sucesso de uma propriedade rural, o planejamento rural ainda é deixado de lado por muitos produtores.

Nesse contexto, muitos empreendimentos não tem clareza sobre a real situação do negócio, o que pode afetar a gestão financeira, ocasionando prejuízos e perdas irreparáveis.

Pensando nisso, elaboramos este artigo, onde você vai encontrar tudo o que precisa saber sobre planejamento rural.

Dessa forma, você poderá se planejar e garantir resultados positivos para o seu negócio.

Ficou interessado? Vem comigo!

O que é planejamento rural?

O planejamento rural pode ser definido como um processo que combina eficiência, eficácia e efetividade para alcançar uma situação futura por meio da concentração de esforços e recursos.

Assim como em qualquer empreendimento, o gestor de uma propriedade rural deve realizar o planejamento estratégico a partir de alguns pontos como:

Como realizar um planejamento rural?

Conforme eu expliquei, para realizar o planejamento rural é necessário seguir algumas etapas essenciais. A seguir, eu vou explicar cada uma delas.

Levantamento de dados

Em primeiro lugar, será realizado o levantamento de todos os dados que envolvem a fazenda. Dessa forma, aspectos como vendas, estoques, recursos humanos, desempenho da mão de obra e processos produtivos serão organizados a fim de auxiliar o produtor na tomada de decisões.

Caracterização da empresa rural: consiste em contextualizar por meio do levantamento dos recursos disponíveis para o processo produtivo.

Identificação: composta pela descrição do nome da empresa rural, o itinerário, as confrontações da propriedade, ao menos um ponto de georreferência para localização da propriedade e os objetivos a que se propõe a organização.

Patrimônio agropecuário: constituído pelas terras, máquinas, equipamentos, rebanhos e lavouras perenes. Permite contabilizar o total do capital empatado na atividade, servindo de subsídio para análises financeiras de rentabilidade de capitais.

Recursos humanos: formado por todos os trabalhadores da propriedade. É importante considerar o trabalho familiar não remunerado, bem como o assalariado fixo, temporário ou outras modalidades. Além de especificar as tarefas executadas por cada membro da fazenda.

Sistema produtivo: constituído pela distribuição física da propriedade, considerando os recursos disponíveis em seu perímetro. Além de um croqui mostrando o uso atual do solo e um levantamento tecnológico da empresa rural ( tipo de tecnologia utilizada).

Situação econômico financeira: composta por dados obtidos a partir de receitas (o que foi vendido e quanto foi arrecadado com a venda), despesas dos últimos 12 meses ( referentes a atividade, como ração, adubo, água, energia, mão de obra etc.)e do capital empatado na atividade agropecuária.

planejamento rural - levantamento de dados
Exemplo de levantamento de dados (Fonte: Senar)

Elaboração do diagnóstico da propriedade rural

Após levantar todos os dados da propriedade rural, é o momento de diagnosticar o empreendimento bem como identificar os pontos fortes e os pontos fracos para corrigir deficiências de forma estratégica, tornando-a mais eficiente.

Para isso, o recomendado é utilizar a matriz FOFA (Forças, Oportunidades, Fraquezas, Ameaças) , que deve ser aplicada em parceria entre o técnico e o produtor. Veja o exemplo!

Planejamento rural - FOFA
Exemplo matriz FOFA (Fonte: Senar)

Interpretação dos indicadores econômicos inventário de recursos

Com os dados de inventários de recursos (benfeitorias, máquinas, equipamentos, animais, lavouras perenes e terras), será possível definir os custos fixos da propriedade, que somados aos gastos operacionais do último ciclo produtivo (custos variáveis), resultarão nos custos totais da empresa rural.

Desse modo, ao conhecer a renda bruta da atividade da propriedade rural, os custos totais e o patrimônio em terras, há a possibilidade de calcular todos os indicadores econômicos da empresa rural.

Em síntese, os indicadores econômicos ajudam a compreender a situação econômica da fazenda. Sendo assim, a interpretação dos cálculos devem partir da análise da relação de benefício/custo, taxa de retorno com a terra e ponto de cobertura total.

Definição de objetivos e metas

Objetivos

A princípio, os objetivos podem ser definidos como descrições concretas de aonde está se querendo chegar, ou o que está se tentando alcançar, ou seja, o propósito.

Logo, eles são estratégicos e abrangentes. Assim, ao realizar o diagnóstico, já se tem o ponto de partida, mas a pergunta em questão é: aonde se quer chegar?

Em empreendimentos rurais, os objetivos podem ser, por exemplo, aumentar a produção de grãos, ampliar a produtividade do rebanho, iniciar uma nova atividade produtiva ou até mesmo ampliar a infraestrutura de produção.

No entanto, eles não devem se limitar apenas a obtenção de lucro, isto é, precisam estabelecidos pelo menos em nove áreas:

Objetivos fazenda
Fonte: Senar

Metas

Logo após identificar o objetivo, é o momento de estabelecer metas. Afinal, elas são tarefas específicas para alcançá-los, quantificáveis e temporais.

Em resumo, as metas são as ações a serem realizadas em conjunto com prazos que devem ser cumpridos para o alcance do objetivo.

Assim sendo, para que elas funcionem com eficácia, é fundamental que siga cinco critérios:

Planejamento rural - metas
Fonte: Senar

Vamos supor que um dos seus objetivos é reduzir em 10% o número de horas/homens paradas por mês. O ideal é que você analise com base nos cinco critérios.

Planejamento rural - Exemplo de metas baseada em 5 critérios
Fonte: Senar

Elaboração dos planos de ação para atingir metas

Em resumo, para elaborar o plano de ação, pode-se utilizar o método 5W3H, que consiste basicamente em uma lista de determinadas atividades que precisam ser desenvolvidas com o máximo de clareza possível.

Dessa forma, ele funciona como um mapeamento das atividades, onde ficará estabelecido o que será feito, quem fará o quê, em qual período de tempo, em qual área da empresa e todos os motivos pelos quais essa atividade deve ser feita.

A ideia é organizar todos os passos a serem seguidos, por meio de descrição cada atividade e quais custos ela vai gerar para a empresa.

Assim, o produtor deve criar uma tabela para cada meta, e responder as seguintes questões:

1. O quê?
2. Como?
3. Quando?
4. Onde?
5. Quanto?
6. Por quê?
7. Com que frequência?
8. Status

Qual a importância do planejamento rural para o agronegócio?

O planejamento rural está diretamente ligado à tomada de decisões assertivas do produtor rural. Trata-se de estratégias que devem se pensadas e estabelecidas para evitar transtornos e prejuízos para a fazenda.

Sua importância está relacionada ao processo de gestão de uma propriedade, que é composta elementos vivos, como as plantas, os animais e as pessoas, que por sinal, possuem dinâmicas próprias de desenvolvimento.

Assim, quando o produtor decide atuar por meio de um planejamento estratégico no agronegócio, ele afina essas dinâmicas próprias em prol de objetivos em comum, que resultam em um objetivo maior do negócio.

Ademais, o planejamento da propriedade rural, permite que o gestor tenha o controle sobre situações que envolvem o dia a dia da fazenda. Como resultado, consegue tomar decisões que agregam positivamente o crescimento do empreendimento rural.

Conclusão

Enfim, um bom planejamento garante o controle mais efetivo da gestão rural. Logo, quando se trabalha com metas e objetivos definidos fica muito mais fácil mensurar resultados e analisar o desenvolvimento da propriedade.

Além disso, um planejamento estratégico rural não só beneficia a vantagem competitiva da empresa como contribui significativamente para os resultados econômicos do negócio.

Os exemplos citados nesse artigo foram de uma propriedade produtora de leite. No entanto, se a sua fazenda produz grãos, basta aplicar o mesmo passo a passo e adequar a sua realidade. O princípio é o mesmo e pode ser adaptado para diversos tipos de atividades.

Agora que você aprendeu a elaborar seu planejamento rural, sugiro que você leia também o nosso artigo sobre Administração Rural.

Até mais!

Quer saber mais sobre o MyFarm?

Entre em contato e agende uma demonstração com nossos consultores!

Solicitar demonstração

Veja também

Plantação de soja: faça um manejo eficiente da sua lavoura
3 dicas para melhorar a gestão rural
O que é um solo fértil?
Planejamento rural: aumente a produtividade e o lucro da sua fazenda entre em contato conosco pelo WhatsApp